quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

IMBITUBA, O BERÇÁRIO DAS BALEIAS

VENHA VIVER ESSA EMOÇÃO
video

Um espetáculo imperdível

A presença das baleias Franca nas águas Imbitubenses entre os meses de Julho à Novembro de cada ano, período em que freqüenta nossas águas para parir e amamentar seus filhotes, fez com que o Município de Imbituba, o Governo do Estado de Santa Catarina, cientistas e biólogos, escolhecem Imbituba como o verdadeiro "Berçário das Baleias". Visitante do litoral catarinense no inverno e primavera, a baleia Franca austral (Eubalaena australis) foi caçada no Brasil desde o período colonial até 1973, quando a última Armação (estação baleeira) meridional fechou suas portas em Imbituba. Redescoberta na região em 1982 pelo Projeto Baleia Franca, a espécie continua ameaçada de extinção; em 1998 contavam-se menos de 7.000 exemplares em todos os oceanos. Fáceis de identificar pelas verrugas brancas que possuem na cabeça e pelo esguicho em "V" que produzem ao expelir ar quente dos pulmões, as baleias Franca foram declaradas Monumento Natural de Santa Catarina pelo Decreto 171/95, e são integralmente protegidas pela lei 7.643/87 que proíbe a caça e o molestamento intencional de baleias, botos e golfinhos em águas brasileiras. Neste local, as baleias Franca podem ser facilmente observadas a poucas dezenas de metros da praia em sua temporada de reprodução. Protegê-las é obrigação de todos!


PROJETO BALEIA FRANCA


Dedicado à pesquisa e à conservação das baleias francas - segunda espécie de baleia mais ameaçada de extinção no planeta - e seu ambiente em águas brasileiras, o Projeto Baleia Franca, administrado pela Coalizão Internacional da Vida Silvestre - IWC/BRASIL, convida você a conhecer mais sobre esses fascinantes animais.
"Nosso objetivo fundamental é garantir a sobrevivência e a recuperação populacional da baleia franca em águas brasileiras."
O Projeto desenvolve uma gama de atividades voltadas para a pesquisa e a conservação a longo prazo das baleias francas.

Saiba mais acessando:
http://http//www.baleiafranca.org.br/



ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL DA BALEIA FRANCA


Em setembro de 2000 foi criada, na região sul do litoral de Santa Catarina, a ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL DA BALEIA FRANCA (APA), abrangendo 156.100 hectares e cerca de 130 km de costa.
Segundo o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza, lei N°9985 de 18 de julho de 2000, "A Área de Proteção Ambiental (APA) é uma área, em geral, extensa, com um certo grau de ocupação humana, dotada de atributos abióticos, bióticos, estéticos ou culturais, especialmente importantes para a qualidade de vida e o bem-estar das populações humanas, e tem como objetivos básicos proteger a diversidade biológica, disciplinar o processo de ocupação e assegurar a sustentabilidade do uso dos recursos naturais".
A APA da Baleia Franca tem como principais objetivos proteger a baleia franca austral e garantir o uso racional dos recursos naturais da região.


CELEBRANDO A VIDA


 


O RITUAL SE REPETE DE JULHO A NOVEMBRO

Mar adentro, céu azul, um majestoso espetáculo da natureza, acompanhado pelo barulho das ondas batendo na embarcação e pelos audaciosos saltos e acrobacias das baleias, seguidos de divertidos esguichos que até chegam a atingir os tripulantes. Esse cenário paradisíaco é privilégio de alguns lugares no mundo, em países como o Brasil, Argentina, México e o Canadá, onde é possível fazer observação de baleias. Quem sempre sonhou em chegar perto de um desses animais tão instigantes e encantadores pode aproveitar para realizar esse tipo de turismo na Capital Nacional da Baleias Franca, Imbituba, Santa e Bela Catarina.

Imbituba atrai inúmeros turistas e curiosos, no período de julho a novembro, para observar as baleias francas. Nas praias de Itapirubá, da Vila e Ribanceira, é possível ver os pares de baleias - a mãe e o filhote - nadando e saltando para fora da água. A franca é a espécie mais dócil, por isso, é a que costuma chegar mais perto da costa na época da reprodução. Para estudar a fundo as baleias, seu habitat e protegê-las, foi criado o Projeto Baleia Franca, em Imbituba.
Conhecida como whale watching, a prática de observar as baleias é uma forma de ecoturismo em que se pode contemplar esses animais diretamente no seu habitat natural.


TEMPORADA DA BALEIA FRANCA EM IMBITUBA
Praias da Vila, Itapirubá e Ribanceira, em Imbituba, concentram o maior número de avistamentos de baleias francas na APA.

OBSERVAÇÃO EMBARCADA







Embarcação Cangulo Rei, traineira adaptada para avistamento de baleias, com capacidade para 50 passageiros, com segurança e comodidade, banheiro, música ambiente, água potável, salva vidas, balsas de salvatagens, dois pisos, com deck para fotografias e filmagens, tripulação (Capitão, marinheiros de máquinas e convés) todos habilitados pela Capitania dos Portos e Guia credenciado e capacitado para interpretação adequada do meio ambiente.
A Embarcação está devidamente credenciada junto ao IBAMA/APA. Tripulantes credenciados para transporte de passageiros na Delegacia de Portos, cumprindo com todos requisitos de segurança exigidos junto ao ICMbio/IBAMA/APA da Baleia Franca para Observação Turística Orientada. A aproximação segue Legislação Ambiental Federal. Antes de cada passeio são realizadas palestras sobre o ecossistema costeiro, aspectos sócio econômicos e geográficos da região e repassados procedimentos de segurança de bordo. Os passeios são acompanhados de guia capacitado para observação turística orientada. A AGTA lhe oferece a oportunidade de ver de perto esses imensos mamíferos marinhos, além de muita aventura e integração com a natureza

O QUE VEMOS QUANDO VEMOS BALEIAS
As Baleias Francas se exibem com frequencia. Diferentemente de outras baleias, esta espécie passa muito tempo na superfície, mostrando a cauda, as barbatanas e principalmente suas costas. No entanto, como um iceberg, é difícil imaginar completamente a forma de uma baleia quando vemos apenas uma pequena parte de seu corpo. Estas duas ilustrações mostram as partes do corpo da baleia que dificilmente são vistas durante as avistagens: cauda “em vela” e lombo durante a natação



TARIFÁRIO 2012

Observação de Baleias
Embarcado.................................R$ 80,00 pax
Terrestre.................................R$ 50,00 pax


Pacotes Turísticos/transfer/Expedições/Guias
Consulte:
roteiro.sul@hotmail.com
Fone(48) 9948- 2224

COMO CHEGAR

Visualizar Recepção de avistagem de baleias AGTA no Goggle maps



ATRATIVOS PRÓXIMOS

  • Museu da Baleia
  • Centro Nacional de Conservação da Baleia
  • Praia da Vila - Point de Surfistas
  • WCT-Etapa do Mundial de Surf
  • Porto de Imbituba

O Turismo de Observação de baleias é uma ferramenta de conscientização,
preservação e conservação de animais em extinção.


Turismo ecológico é educar e sensibilizar, objetivando alcançar uma relação mais respeitosa e harmoniosa entre o homem e a natureza.

Não se engane, caminhe com quem conheçe.
Chame um Guia/ Condutor credenciado
Email: roteiro.sul@hotmail.com
Fone (48)9977-6352 ou 9948-2224

5 comentários:

  1. Julio, ficamos muito contentes de te receber lá no site (Coracional) e saber que acompanhas! Estou adorando conhcer o teu blog, muito bom! Saudades, amigo!

    ResponderExcluir
  2. Olá Jacque !
    É uma satisfação receber tuas palavras, remete ao teu maravilhoso, e unico, espaço.
    Aproveito e peço que difundas aí pela europa essa atividade desenvolvida por nós aqui.
    Necessitamos de parceiros nA luta pela preservação de animais em exrinção,um processo de sustentabilidade.

    ResponderExcluir
  3. Cara, uma satisfação sua visita a nosso blog. Nessa semana vou ter que colocar no ar o relato sobre a Maratona do Rio de Janeiro, mas logo em seguida vou colocar sobre sua visita, seu blog e as possibilidades que você oferece. Agradeço seu contato que melhora o nível de nosso blog que é uma brincadeira mas pode ter um viés forte, útil e apoiar quem está fazendo coisas mais interessantes. Abraço, Miguel Delgado.

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito, delicia de ver, coisa boa é essa vida que vc leva, perto desses bichinhos adoráveis, parabéns!

    tudo de bom!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá, bom dia Julio Cesar! Gostei muito do Blog e, acho que o envolvimento com o meio ambiente é um grande desafio nos dias de hoje, os exemplos que o governo federal vem dando não são nada bons, privilegiando latifundiários e, até mesmo políticos desonestos, um pequeno exemplo vem do governador de Santa Catarina, ele burla uma Lei e, ainda tem o apoio dos parlamentares, lá no estado dele, hoje é permitido plantar em área de preservação, que é o caso das matas ciliares, a Lei dele diz: o pequeno agricultor pode plantar a 5 metros da margem dos rios, se tudo começa por ai,pelo pequeno, fica muito complicado, e, ainda temos que ver o povo escolhendo uma candidata completamente comprometida com esse tipo de política retrógada para governar o Brasil. Abraços
    Arturo

    ResponderExcluir